Início » Veja o cronograma de saque do auxílio emergencial para os trabalhadores
Notícias

Veja o cronograma de saque do auxílio emergencial para os trabalhadores

Fique por dentro dos pagamentos do auxílio
Fique por dentro dos pagamentos do auxílio // Foto: thefolha.news/

O auxílio emergencial esta sendo o dinheiro mais aguardado do Brasil, principalmente para as famílias carentes que não estão tendo condições financeiras para poder pagar as contas e nem comprar comida, por mais que seja um valor de R$ 600,00, vai ajudar bastante, principalmente para muitas das famílias que perderam o emprego e infelizmente estão saindo com uma mão na frente e outra atrás porque as empresas não estão conseguindo ter o valor da indenização.

Segundo o governo, poderá ser liberado uma parte do FGTS atrasado para poder ajudar a população se restabelecer até para poder fazer a maquina financeira rodar nem que seja de uma forma lenta, mais estará girando.

Muitos boatos do auxílio ficou circulando à respeito de ainda estar em analise para alguns cadastros e quando será executado todos os pagamentos.

A Caixa Econômica Federal informou que o primeiro pagamento do auxílio irá começar no dia 27 de abril, somente para os informais que nasceram no mês de Janeiro e Fevereiro.

Quem nasceu no mês de Março e Abril receberá no dia 28 de abril, no dia 29 de abril receberam as pessoas que nasceram em maio e junho, no dia 30 de abril os que nasceram em julho e agosto.

Todos que nasceram no mês setembro e outubro receberão no dia 04 de maio e 05 de maio, receberão todos que nasceram em novembro e dezembro.

A intensão do governo é evitar qualquer tipo de aglomeração para evitar qualquer contato para não correr o risco de se infectar com o covid-19 e seria bom todos aqueles que estão na escala de risco, não irem nos dias citados para receber porque as filas dos bancos e lotéricas estarão enormes.

A Caixa irá começar uma nova etapa de cadastro principalmente quem não tem conta da Caixa Econômica e que possam receber no dia certo marcado. Muitas pessoas ainda não conseguiram fazer o cadastro devido o congestionamento pelo número de pessoas.

Foram liberados mais de 8 bilhões para depósitos, tanto para autônomos que já tem cadastro pela caixa e todos que possuem conta em outros bancos, o auxílio também irá pagar todos aqueles que possuem o MEI – Micro Empreendedor virtual e todos que recebem o bolsa família.