Início » Suspense: Suposto maníaco persegue família a anos e após a morte da mãe e duas irmãs muitas perguntas estão sem respostas
Notícias

Suspense: Suposto maníaco persegue família a anos e após a morte da mãe e duas irmãs muitas perguntas estão sem respostas

Foto: R7

A reportagem do Cidade Alerta nos conta que um homem entrou na casa da família, baleou a mãe e a filha. Tirou foto dos corpos e postou na internet, porém a única coisa que os vizinhos ouviram foi o barulho de um carro saindo à alta velocidade.

Há relatos de familiares que desde 2018 a família sofria ameaças e uma de suas filhas morreu na ocasião, a polícia investiga se os crimes podem ter algum tipo de ligação. A questão é será que realmente seria um possível maníaco que perseguia a família por todos esses anos.

Neuza de 57 anos de idade e sua filha Ana Paula de 32 anos foram vítimas de um criminoso cruel que entrou na casa das vítimas e atirou a sangue frio acertando as duas e tirando suas vidas dentro de suas próprias casas. Segundo uma familiar que mora próxima foi até a casa e encontrou o carro da vítima fora da estrada e as duas mortas já, ela relata que o que mais chamou a atenção foi o barulho do carro.

Em entrevista ao Cidade Alerta a mulher que não foi identificada conta que foi um barulho bem forte de um carro saindo em alta velocidade, ela avistou o carro antes de chegar na casa da vítima ela disse que ele entrou em um desvio. O crime que aconteceu na cidade de Casca no estado do Rio Grande do Sul a cidade é muito pequena com menos de 10 mil habitantes e desde janeiro desse ano esses dois foram os únicos homicídios registrados na cidade.

O que deixa o caso ainda mais intrigante, será que todas as pessoas da família foram mortas pela mesma pessoa? Quem seria esse suposto assassino que fez algo assim? Porque essa família? O carro misterioso avistado seria realmente do criminoso?

Essas perguntas estão todas sem respostas até o presente momento, e a polícia da cidade trabalha para poder responder todas com clareza e solucionar esse misterioso caso criminoso.

Fonte: Cidade Alerta