Início » Emocionante história do homem que perdeu sua casa, por cuidar do filho durante 18 anos
Notícias

Emocionante história do homem que perdeu sua casa, por cuidar do filho durante 18 anos

Foto: UOL

Luiz Antônio Azevedo possui 65 anos, e há 18 anos ele se dedica praticamente em tempo integral para cuidar de seu filho, que em 2002 sofreu um acidente ficando acamado, hoje com 36 anos Danilo depende de seu pai para tudo.

Emocionado o pai conta que no dia Danilo estava na casa de alguns amigos quando recebeu uma ligação, seus amigos falaram que ele tinha apenas desmaiado e quando chegou no hospital ele estava praticamente morto. Ele relatou que demorou apenas 11 minutos para chegar no hospital mas que seu problema era irreversível.

Danilo era estudante, cursando Jornalismo e ficou 28 dias internado na UTI e mais dois meses sobre os cuidados médicos no Hospital. Porém, sem muito sucesso na sua recuperação.

O pai do jovem relata que demorou cerca de cinco anos para ele aceitar o que havia acontecido com seu filho, foi um choque muito grande. Ele cursava Jornalismo, era modelo e havia recebido o convite para participar de uma novela naquela semana.

O pai ainda conta que quando Danilo foi liberado do Hospital para receber cuidados em sua casa, ele só interagia através do olhar e o sorriso e que estava pesando cerca de 38kg a menos. O pai na época já era divorciado e conta que no começo recebeu alguma ajuda de amigos próximos, porém com o tempo os amigos foram sumindo e ele ficou só para realizar todos os cuidados.

Porém ele conta que após dois anos do acidente apareceu uma pessoa que o ajudou muito. Maria Tereza foi uma cuidadora voluntária que além de ajudar com os cuidados, ajudou ele conseguir recursos para continuar cuidando do filho, já que ele não estava mais trabalhando e já tinha até vendido o carro para manter os tratamentos.

Com o tempo os IPTUs foram vencendo além das taxas de condomínio, o que levou seu apartamento a leilão. Ele relata que estava cada vez mais difícil pagar as contas e que ele teve que escolher entre pagar as contas ou cuidar do filho e mantê-lo vivo.

Hoje em ordem de despejo ele espera arrecadar dinheiro através de uma vaquinha online para encontrar outro lugar para viver e continuar cuidando de seu filho.