Início » De cortar o coração! Conheça as vítimas do acidente que chocou o país
Notícias

De cortar o coração! Conheça as vítimas do acidente que chocou o país

vitimas do acidente br 277
Foto: Portal Paraná

Nesta última segunda-feira dia 3 de Agosto tivemos a notícia de um trágico acidente na BR277 que liga várias cidades no Paraná. Esse trágico acidente que ocorreu na noite de domingo envolveu 22 veículos e ocasionou várias mortes.

Neste artigo vamos conhecer algumas dessas vítimas que já foram identificadas pelo IML. A primeira dela é Jessica Oliveira, uma jovem moça de apenas 22 anos de idade que tinha um futuro brilhante pela frente, ela estava no acostamento junto ao cunhado e a irmã, Fernando Jaroz de 20 anos e Ester Nunez da mesma idade que seu marido.
Eles haviam saído junto ao pai da vítima que ficou no carro e não foi atingido, estavam indo para uma vígila de sua igreja local.

Foto: Paraná Portal

Jurema Elvira Ferreira dos Santos de 52 anos e sua namorada Emanueli de Fátima Ferreira dos Santos de apenas 23 anos, elas moravam no litoral e atuavam na Universidade Federal do Paraná. Elas estavam voltando de Curitiba, Emanueli foi socorrida ainda com vida mas não resistiu e acabou morrendo no hospital.

Foto: Paraná Portal

Guilherme Ribas de apenas 22 anos de idade foi mais uma vítima, estava indo até a casa de sua namorada quando sofreu esse terrível acidente. E o casal Lucas Moreira e Jéssica Souza que estavam indo embora do culto de sua igrejas um de 24 anos e a sua namorada de apenas 22 anos de idade.

   

Foto: Paraná Portal

Infelizmente uma grande tragédia que acabou levando a vida dessas pessoas que estavam fazendo suas coisas normalmente, e o destino traçou um terrível caminho para eles neste domingo dia 2 de Agosto.

Vamos aguardar novas informações sobre as pessoas que ainda estão sendo tratadas no Hospital local, e torcer para que esse triste acidente não leve mais nenhuma vida. Se quiser deixe uma mensagem de apoio às famílias das vítimas que com certeza estão sofrendo muito nesse momento tão terrível.

Fonte: Paraná Portal