Início » Crianças em perigo: Garoto de 8 anos é baleado na cabeça enquanto brincava
Notícias

Crianças em perigo: Garoto de 8 anos é baleado na cabeça enquanto brincava

pique esconde
Foto: Portal Paiquerê

Um garoto de 8 anos, foi baleado  na cabeça enquanto brincava de pique-esconde na porta de casa.

O fato aconteceu na Rua vereador Moacyr Pimentel, que fica localizado no Bairro Flexeira, em Guapimirim, na Baixada Santista.

Kaio Paixão de Souza, tem 8 anos e foi atingido por um tiro na cabeça na noite de sexta-feira (28/08), enquanto brincava na gente de sua casa.

O garoto foi levado as presas para o hospital e foi submetido a uma cirurgia no crânio. A secretaria Municipal de Saúde informou a imprensa que, o menino apresentou uma excelente melhora na manhã desta terça-feira (01/09), e já consegue respirar sem precisar do uso de aparelhos.

Segundo as informações da Secretaria Municipal de Saúde, o tiro que atingiu o garoto perfurou a testa, próximo ao olho esquerdo, e saiu perto da orelha. A policia civil esta investigando o caso para que assim, se chegue ao responsável pelo tiro que atingiu o garoto e 8 anos.

O caso esta sendo investigado pela 67° Delegacia de policia de Guapimirim, e em nota divulgada pela instituição os investigadores informaram que “Diligencias estão sendo realizadas para esclarecer o caso”.

Segundo informações de pessoas que estavam no local no momento que os disparos aconteceram e o viram o garoto ser atingido, a criança estava brincando com outras crianças na rua, em certo momento um carro apareceu na rua e de dentro do veiculo foi feito vários disparos de arma de fogo.

Entre as crianças que brincavam na rua não houve mais feridos, sendo somente o Kaio que foi atingido pelos tiros. Os socorristas foram acionados para socorrer o garoto e chegaram o mais rápido possível no local dos fatos, após os primeiros socorros Kaio foi levado para o Hospital Estadual em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

O caso revoltou a população que aguarda ansiosamente por algum esclarecimento sobre os responsáveis dessa barbaridade.