in

Contas bolsonaristas serão bloqueadas no exterior segundo determinação de Moraes

contas ligadas a bolsonaro
Foto: Band Notícias

A nova ordem do Ministro do STF é por conta que os investigados usaram uma forma de dribla a determinação anterior, mudando suas localizações nos aplicativos. Ao todo são 16 apoiadores de Jair Bolsonaro que estão sendo investigados, e tiveram suas contas bloqueadas já no Twitter.

Porém Alexandre Moraes disse que o cumprimento parcial da ordem judicial acarretará em multas para aqueles que descumpriram e que essa exclusão será feita mesmo que o acesso seja de qualquer meio e localização, tanto no Brasil quanto também em qualquer outro lugar do mundo.

O Twitter que já realizou o bloqueio das contas afirma que essa decisão é incoerente com as políticas de expressão no país e que mesmo acatando as ordens ele irá recorrer a essa decisão. O Facebook por sua vez também anunciou que irá recorrer a essa decisão do STF.

Os nomes dos perfis bloqueados com essa nova decisão são: Roberto Jefferson atualmente presidente do PTB e é ex-deputado, Luciano Hang empresário, Edgard Corona empresário, Otávio Fakhoury outro empresário, Edson Salomão que é assessor de Douglas Garcia Deputado Estadual de SP, Bernardo Kuster blogueiro, Allan dos Santos blogueiro, Winston Rodrigues Lima que é um militar da reserva, Reynaldo Bianchi Junior humorista, Enzo Leonardo Momenti youtuber, Marcos Dominguez Bellizia porta voz do movimento Nas Ruas, Sara Giromini, Eduardo Fabris Portella, Marcelo Stachin e Rafael Moreno.

Essa é a extensa lista de nomes dos perfis que estão sendo cassados pelo STF e terão suas contas bloqueadas tanto no Twitter e também no Facebook segundo nova ordem do Ministro.

Vamos aguardar qual será as novidades sobre esse caso que está tendo uma repercussão mundial, pois em meio a crise estabelecida em praticamente todo o mundo por conta do novo coronavírus o país está mais focado em brigas políticas internas do que realmente a ameaça que está dizimando a população mundial.

LEIA TAMBÉM:  "Peixe do fim do mundo" aparece no México e a população teme que aconteça um terremoto

Fonte: G1