Início » Confusão no meio gospel, Priscila Alcantara se pronuncia sobre manifesto contra aborto de menina de 10 anos e divide opiniões
Notícias

Confusão no meio gospel, Priscila Alcantara se pronuncia sobre manifesto contra aborto de menina de 10 anos e divide opiniões

Foto: Revista Quem

Priscila Alcantara que tem sido um dos nomes mais importantes na música gospel se manifestou em relação ao caso da menina de 10 anos que engravidou do seu próprio tio. E principalmente sobre a manifestação de algumas pessoas que foram até o hospital onde estava marcado o procedimento de aborto para tentar impedi-lo.

Neste último domingo dia 16 de Agosto a cantora usou seu Twitter para criticar a atitude dessas pessoas, ela se intitulou de crente se colocando na mesma classe daquelas pessoas. E disse que precisam rever os conceitos e prioridades em relação ao Evangelho, e ainda disse que fanatismo religioso mata.

Rebatida por uma seguidora, ela respondeu que não estava sendo omissa na questão e sim tendo um posicionamento Cristão de amor e compaixão. Tendo empatia pelo que realmente aquela menina está passando, ela também curtiu um post de Leandra Leal que se refere ao pedófilo foragido ressaltando que ele é o criminoso.

O Brasil todo está acompanhando esse caso que cada vez mais tem tomado uma proporção ainda maior através das redes sociais, portanto é importante não esquecer que a menina em questão é uma pequena criança. E precisa ser tratada como tal, carinho, amor e suporte é o que ela mais precisa nesse momento tão delicado de sua vida.

A atitude desses religiosos que foram lá defender uma postura contra o aborto, talvez tenham esquecido que é uma criança que estava ali. Ela é vítima da situação e não é capaz de conseguir sozinha resolver essa situação, aliás nem com tantas pessoas debatendo sobre o assunto uma solução ainda não apareceu.

Deixe nos comentários abaixo sua mensagem de apoio à menina e caso tenha alguma condição profissional, ou estrutural de oferecer alguma ajuda a menina e toda sua família não exite. Assim como muitas pessoas tem manifestado o desejo de ajudar a menina seja mais uma dessas e colabore de alguma forma se puder.

Fonte: Revista Quem