Início » Caso Grávida de Canelinha: Mulher teria reclamado de suspeitar do crime
Notícias

Caso Grávida de Canelinha: Mulher teria reclamado de suspeitar do crime

Foto: Notisul

Mais uma novidade sobre o crime que chocou o país à uma semana, a grávida que foi raptada e teve seu bebê roubado teria suspeitado que isso poderia acontecer. Segundo depoimento de uma amiga muito próxima a gestante que foi dado na última quarta-feira dia 2 de Setembro, a grávida estava muito incomodada com o aliciamento da criminosa nos últimos dias antes do crime.

A reclamação da vítima teria sido realizada a mais ou menos um mês atrás, também foi relatado que o marido da vítima também depôs nesta quarta-feira. E ele disse que não conhecia a assassinada e que a informação de que elas eram muito próximas não é verídica, a amiga que deu o depoimento disse que mesmo muito incomodada com a situação a vítima não teve coragem de cortar contato com a criminosa.

A família da mulher que roubou o bebê teve que sair da cidade pois estavam sendo ameaçados e coagidos por pessoas da região, e ficaram refugiados em casa de familiares em outra cidade. O caso tomou uma proporção gigantesca e pessoas do mundo todo comentaram sobre o ocorrido, muitos esperam que a justiça possa fazer que a mulher pague por esse terrível crime que cometeu.

Vivemos em tempos muito difíceis onde as pessoas perderam a noção das coisas, o respeito e o amor ao próximo não existe mais e com isso estamos vendo as maiores atrocidades vividas. Pessoas fazendo coisas inimagináveis contra membros de suas próprias famílias, é pais judiando de formas cruéis de seus próprios filhos, mulheres decepando maridos por consequências de atrocidades cometidas pelos mesmos dentre tantas outras tragédias domésticas relatadas todos os dias.

Antigamente era mais raro de se ver coisas desse tipo, porém o ódio e o ranco ter tomado conta do respeito e amor no coração das pessoas com isso o resultado tem sido catastrófico na vida de muitas pessoas.

Fonte: Ndmais