Início » Câmera de segurança grava momento em que Bebê com cinco dias de vida é abandonado dentro de uma caixa de papelão no Paraná
Notícias

Câmera de segurança grava momento em que Bebê com cinco dias de vida é abandonado dentro de uma caixa de papelão no Paraná

bebe abandonada
Foto: G1

Uma câmera de segurança registrou o momento em que um bebê com apenas 5 dias de vida foi deixado em uma calçada neste dia 18 no parana, a criança foi deixada dentro de uma caixa envolvida por um cobertor.

Moradores do local falaram que ouviram um choro vindo de uma caixa, e rapidamente chamaram a polícia que logo chegou ao local, as autoridades disseram a emissora (RPC) que cobriu o caso que a criança ainda tinha o seu cordão umbilical, ainda segunda autoridades a criança estava toda molhada enrolada em um coberto dentro da caixa.

O bebê tem cerca de cinco dias de vida e foi encaminhado ao hospital para exame, o estado da criança é bom.

O SAMU foi chamado e rapidamente prestou os primeiros socorros, logo depois a criança foi encaminhada ao Hospital São Paulo, em Cianorte.

O hospital disse à RPC que o bebê tinha cerca de cinco dias de vida e estava sendo examinado, mas estava com “boa” saúde.

Foto: Bonde.com.br

O blog Respira Mamãe do site Bonde.com.br revoltado com o caso fez uma publicação:

“Escreveu que não conseguiria dormir essa, sem expressar sua opinião sobre o caso e que isso não acontece só um a vez o outro no pais”

Então falou. “Quando vi a notícia de que o bebê foi abandonado em uma caixa de papelão com apenas 5 dias de sobrevivência, chorei, chorei. A mídia social está inundada de comentários e raiva. Como uma “mãe”, ela foi capaz de abandonar seu filho por a própria sorte, chovendo e totalmente indefesa. Tenho 3 filhos aqui e nunca poderei desistir deles. Tentei encontrar algo que pudesse justificar o comportamento cruel, mas o que pensei é que a pessoa pode ter abandonado a criança por não entender a lei, porque não acredito que uma pessoa com o mínimo de consciência tenha a capacidade de abusar intencionalmente de um recém-nascido.”

O caso vem repercutindo nas mídias desde então.

Fonte: G1