Início » Avó da primeira dama Michelle Bolsonaro morre vítima de Covid-19 no Distrito Federal
Notícias

Avó da primeira dama Michelle Bolsonaro morre vítima de Covid-19 no Distrito Federal

Foto: G1

A senhora que tinha 80 anos de idade, Maria Aparecida Firmo Ferreira ficou internada desde começo de Julho, ela estava diagnosticada com Covid-19. Ela veio a óbito nesta quarta-feira dia 12 de Agosto no Hospital Regional de Ceilândia que fica no Distrito Federal.

Ainda não saiu um pronunciamento oficial sobre a real causa da morte, que foi anunciada. Porém pela situação que a senhora apresentava a grande suspeita é que seja pelo novo coronavírus, mas nada ainda foi confirmado pelos médicos.

Fique atento em nosso portal de notícias que estaremos de olho nas novidades sobre o caso para deixar todos vocês informados com o que realmente levou a avó de Michelle Bolsonaro a falecer. Estaremos trazendo sempre que possível as novidades sobre este e dentre tantos outros casos que estão sendo acompanhados pelo nosso portal.

Deixe também nos comentários abaixo suas críticas e sugestões para que possamos melhorar nosso portal cada vez mais para melhor atendê-los. Espero que estejam gostando de nossas publicações e que possamos estar de alguma forma trazendo as notícias de uma maneira clara e objetiva a todos vocês sempre.

Lembre-se que em nosso portal sempre terá o melhor de novidades em diferentes nichos para você e sua família se divertir e aprender sobre variados temas, além de trazermos sempre as notícias mais comentadas do Brasil e do Mundo. Compartilhe com todos os amigos e familiares para que eles também possam aproveitar o que temos de melhor.

Se há algum tema específico que tenha sentido falta em nosso portal de notícias sinta-se a vontade de comentar logo abaixo que estaremos sempre trazendo para vocês. Seja ele qual for, estaremos sempre estudando e nos aperfeiçoando para poder atender todas as necessidades de vocês nossos leitores.

Um grande abraço a todos os leitores e até a próxima notícia sobre este e tantos outros casos.

Fonte: G1