Início » Após ameaçar matar cães, sindico diz que “Falou da boca pra fora” mas faz nova ameaça.
Notícias

Após ameaçar matar cães, sindico diz que “Falou da boca pra fora” mas faz nova ameaça.

sindico-ameaca-matar-cachorro
Foto: Bhaz

Após toda confusão e repercussão sobre as ameaças de matar cães dos moradores de um condomínio, o sindico João Carlos Bruno, de 67 anos, deu uma entrevista ao jornal Metrópoles e disse que tudo foi da boca pra fora, que era apenas bobagens que todo mundo fala quando esta de cabeça cheia e que todas as ameaças foram na verdade só para assustar e fazer com que os donos deixem os cachorros longe da grama.

Ele afirmou ainda que jamais colocaria veneno na grama, pois o local e usado pelas crianças para brincar, e jamais as colocaria em risco. Mas o sindico voltou a fazer outra ameaça, dizendo que soltará o cachorro dele em qualquer animal que chegar perto da grama.

João Carlos disse para a reportagem, que uma mulher estava andando com 2 cadelas, dentro de um parquinho de areia e que só pediu para ela sair do local. Mas como ela recusou, ele acabou fazendo a ameaça.

“Falei que colocaria, mas só para encher o saco dela. É cheio de criança aqui no prédio, não posso colocar veneno lá” explicou o sindico.

O sindico entende que a área do pilotis do prédio é algo particular, e por isso ninguém pode passar lá, seja ele morador do prédio ou não.

O GDF explicou que a área só é publica se for lugar de passagem, o que não é o caso, pois ali só tem uma horta e um parquinho de areia.

Mesmo o senhor João Carlos afirmando não ter coragem para envenenar os cachorros, ele voltou a ameaçar, dizendo que “Se trouxerem de novo, eu solto o meu cachorro em cima dos outros. Meu cachorro já arrancou o olho de um esses dias”.

Fonte: Metrópoles